skip to Main Content
DANIEL_BLAKE_DIVULGAÇÃO

Burocracia que Tira Vidas

Arrisco dizer que é impossível catalogar o tanto de pessoas que morreram de alguma maneira por conta da burocracia aqui no Brasil. São narrativas diárias, transtornantes, sobre casos que não parecem reais. No momento, a questão do auxílio emergencial, os R$ 600,00 mensais (que devem diminuir), tem tomado as manchetes dos jornais com casos de pessoas desesperadas que não conseguem acessar o aplicativo para uso do recurso, com pessoas que acessam, mas relatam falhas, com pessoas que, por conta de título de eleitor invalidado, não conseguem garantir o benefício, etc.  Ao contrário do que muita gente imagina, não é exclusividade brasileira a burocracia. No dia das mães desse confuso ano de 2020, assisti ao filme “Eu, Daniel Blake”, que estava na minha lista há um tempo (ela não existe. Na…

Leia mais
Obra De Margaret Keane, Uma Menina Com A Mão No Rosto, Observando O Observador

Não me ensinaram a ler mulheres

Depois que li o título que formulei o achei estranho, parece uma reclamação machista do tipo “não entendo as mulheres, por que elas são assim?”. Mas não. É uma reflexão honesta sobre algo que demora para percebermos. Eu não gosto de dizer que a pandemia tem um lado bom. Tudo isso tem feito muitas pessoas refletirem, incluindo a mim, mas não vejo como algo bom. É uma consequência de algo terrível, possível para uma parte da sociedade. Enquanto eu reflito em casa, entre outros afazeres, tem muita gente na rua ralando, tem muita gente na periferia sem opção, tem muita gente na rua sem assistência, higiene e refeição. Não há nada de bom nisso. Feita a observação, minha reflexão iniciou-se antes da pandemia, após ter assistido ao filme "Grandes Olhos"…

Leia mais
Elis Regina 75 Anos

Pra sempre relembrar Elis Regina

Em um tempo não tão distante, o foco da Cult Cultura era escrever críticas de filmes, peças de teatro, séries e shows. Nessa época, eu costumava frequentar cabines de cinema e participava de algumas junkets (descubra o que significam esses conceitos de assessoria de imprensa aqui). Em dias de junket, eu reservava o dia todo - literalmente - para a atividade, sendo que algumas horas era reservadas para a espera. Durante essas esperas , conheci muitos profissionais admiráveis e fiz amizades que duram até hoje, e uma pergunta que eu sempre ouvia, entre os críticos especializados em cinema, era: "Qual filme você revê pelo menos uma vez por ano?"; e eles tinham a resposta na ponta da língua. Sempre que eu me lembro das junkets, reflito sobre essa pergunta e…

Leia mais
Futebol Justiça

O Futebol que Destrói Vidas

Conheci o trabalho do jornalista Mauro Cezar Pereira assistindo ao programa Linha de Passe, da ESPN Brasil, na época que ainda contava com a participação do ótimo Juca Kfouri. O Mauro Cezar é um jornalista provocativo. No jargão popular, pode-se dizer que ele “não arrega para ninguém”, e que é um dos poucos da imprensa esportiva que fala de assuntos para além do campo de jogo, como se comprova ao ouvir o podcast Muito Mais do Que Futebol, que conta com Leandro Iamin e Lúcio de Castro. Ouvindo o citado podcast, em um dos episódios, o Mauro Cezar falou de um caso investigado pelos colegas de profissão Marcelo Courrege e Leslie Leitão. Achei tamanha loucura que fui saber mais sobre a história que indignara o Mauro Cezar. A matéria original…

Leia mais
Semantica-do-racismo

Semântica do racismo

Tive um professor incrível na pós-graduação que fiz no CELACC – Centro de Estudos Latino-Americanos sobre Cultura e Comunicação (clique aqui para conhecer), o mestre e doutor Juarez Xavier, que hoje integra o curso de jornalismo da UNESP, Universidade Estadual Paulista, além de coordenar o Núcleo Negro UNESP para Pesquisa e Extensão. Ensinou para nossa turma, entre outras coisas, o conceito de mídias radicais, comunicação em grupos subalternizados e questões sobre militância negra. Amante da escola de samba Vai-Vai e torcedor do Corinthians, no dia 20 de novembro de 2019 ele foi vítima de racismo e tentativa de homicídio em Bauru, cidade onde leciona. Mais uma mancha de sangue - literalmente, neste caso -, na imagem da doente sociedade brasileira. No Dia da Consciência Negra, um militante é chamado de…

Leia mais
Ventos Da Liberdade Filme

Liberdade

Liberdade, igualdade e fraternidade: lema da revolução francesa que a gente aprende na escola e, pelo menos no meu caso, só fui entender a importância desses nomezinhos anos depois. Em um país cuja mão de obra foi formada por escravos e imigrantes em busca de uma vida melhor no país do futuro e que trilharam toda uma vida, história e DNA com base na crença de que "o trabalho dignifica o homem" ou, no pior dos casos, "o trabalho liberta", venho me questionando o que é liberdade. O que é liberdade em um país que até pouco tempo não admitia que existe racismo porque, afinal, somos miscigenados? O que é liberdade para os cidadãos que, em momentos de desesperança, dizem que "somos assim porque não passamos por guerra", e não…

Leia mais
Decidir No Jogo

O dia em que decidi nunca mais decidir

Começou uma coisa na adolescência de que era preciso tomar decisões. Assim, sem mais nem menos. Quando criança, ouvia diariamente que eu não cuidava do meu próprio nariz, que tinha de obedecer e blá-blá-blá e, da noite para o dia, como se houvesse uma chave que desligasse a memória e nos introduzisse novas orientações, fui obrigado a decidir. Decida-se sobre o que quer prestar de vestibular. Decida-se sobre sua profissão. Decida-se sobre o que quer da vida. Decida-se. A primeira decisão que tomei, na transição entre a infantilidade bestial e a adolescência infernal, não foi lá muito bem aceita. Escolher o time de futebol arquirrival da família o torna praticamente um bastardo. É preciso ter força para decidir algo assim. Com o pé na fase madura da adolescência, período no…

Leia mais
Back To Top