skip to Main Content
Semantica-do-racismo

Semântica do racismo

Tive um professor incrível na pós-graduação que fiz no CELACC – Centro de Estudos Latino-Americanos sobre Cultura e Comunicação (clique aqui para conhecer), o mestre e doutor Juarez Xavier, que hoje integra o curso de jornalismo da UNESP, Universidade Estadual Paulista, além de coordenar o Núcleo Negro UNESP para Pesquisa e Extensão. Ensinou para nossa turma, entre outras coisas, o conceito de mídias radicais, comunicação em grupos subalternizados e questões sobre militância negra. Amante da escola de samba Vai-Vai e torcedor do Corinthians, no dia 20 de novembro de 2019 ele foi vítima de racismo e tentativa de homicídio em Bauru, cidade onde leciona. Mais uma mancha de sangue - literalmente, neste caso -, na imagem da doente sociedade brasileira. No Dia da Consciência Negra, um militante é chamado de…

Leia mais
Ventos Da Liberdade Filme

Liberdade

Liberdade, igualdade e fraternidade: lema da revolução francesa que a gente aprende na escola e, pelo menos no meu caso, só fui entender a importância desses nomezinhos anos depois. Em um país cuja mão de obra foi formada por escravos e imigrantes em busca de uma vida melhor no país do futuro e que trilharam toda uma vida, história e DNA com base na crença de que "o trabalho dignifica o homem" ou, no pior dos casos, "o trabalho liberta", venho me questionando o que é liberdade. O que é liberdade em um país que até pouco tempo não admitia que existe racismo porque, afinal, somos miscigenados? O que é liberdade para os cidadãos que, em momentos de desesperança, dizem que "somos assim porque não passamos por guerra", e não…

Leia mais
Decidir No Jogo

O dia em que decidi nunca mais decidir

Começou uma coisa na adolescência de que era preciso tomar decisões. Assim, sem mais nem menos. Quando criança, ouvia diariamente que eu não cuidava do meu próprio nariz, que tinha de obedecer e blá-blá-blá e, da noite para o dia, como se houvesse uma chave que desligasse a memória e nos introduzisse novas orientações, fui obrigado a decidir. Decida-se sobre o que quer prestar de vestibular. Decida-se sobre sua profissão. Decida-se sobre o que quer da vida. Decida-se. A primeira decisão que tomei, na transição entre a infantilidade bestial e a adolescência infernal, não foi lá muito bem aceita. Escolher o time de futebol arquirrival da família o torna praticamente um bastardo. É preciso ter força para decidir algo assim. Com o pé na fase madura da adolescência, período no…

Leia mais
Back To Top